Novidades

6 de novembro de 2016

O Mistério da senhora e seus netinhos ( Flashes )

Tudo que ele queria era um lugar para poder colocar suas idéias em seu novo trabalho, queria escrever seu livro, mas as coisas sairam do controle no local onde estava



Chegando na roça arrumou seu cantinho e suas coisas em seu quarto , deu uma volta pelo quintal e sentou na sua cadeira de balanço acendendo um cigarro com uma garrafa de whisky ao lado , entre uns tragos e outros o tempo passou rapidamente ,  levantou e foi para o banho ao sair notou um barulho vindo do fundo da casa , foi ate lá e percebeu que a casa vizinha estava ocupada , uma casa que a mais de anos estava ali abandonada , agora tinha moradores , não ficou tão feliz pois talvez não teria toda absorção de criatividade necessária para seu trabalho . 


A noite chegou e se pós a escrever quando de repente a campainha tocou, ficou intrigando pensando quem raios seriam já que não ia ali há anos e não tinha vizinhança, lembrou então dos possíveis novos vizinhos e foi atender, na porta estava uma senhora com um sorriso meigo e disse que era sua nova vizinha e que veio ali para cumprimentá-lo, conversaram durante um tempo e se despediram a senhora disse que era apenas ela e seus netinhos e que estes às vezes faziam barulhos demais, com um tempo ela afastou meio tímida e com um olhar curioso foi andando porem deu meio volta e falou que vira um flash noite passada vindo da mata, perguntou se ele sabia de algo, intrigado Johny disse que não vira flash algum por ali e que sempre foi para aquele lugar e nunca notou nada parecido, a senhora despediu e disse que então estava tudo bem, ficou chateado pelo possível fim da tranqüilidade, forçou um sorriso e se despediu da senhora, voltou a escrever quando notou que já passava de 01h00min AM e precisava dormir, pois queria acordar cedo no dia seguinte para aproveitar o nascer do sol e um passeio pelo campo, após alguns minutos deitado começou a pensar na vizinhança , quando bateu uma enorme vontade de ir ao banheiro , assim que impulsionou seu corpo um flash estranho clareou todo seu quarto, ficou assustado e não sabia de onde vira aquilo, calçou seus sapatos e foi ate o banheiro, no meio do caminho assustou com uma sombra, sua própria sombra, estava com o coração acelerado e com a adrenalina a mil por conta do susto, urinou e voltou para a cama, mas seu sono não estava mais contigo, ficou ate as 04H00AM virando pela cama, algo o incomodava até que adormeceu. Na manha seguinte foi ate a vizinha para ver se estava tudo bem, pois tinha escutado alguns gritos e choros na madrugada, ao chegar lá notou que tudo estava em silencio, pensou até que aquilo poderia ter vindo de outro lugar, porem de onde? Pensou consigo, para evitar intrometimento deu meia volta ao virar viu vultos próximos a sua casa e dentro dela uma silueta passou pela janela do seu quarto assustado correu ate a casa ao chegar notou que não tinha nada realmente nada por ali, vasculhou e gritou por respostas , mas ninguém respondeu , deu meia volta e foi escrever. O dia passou e foi bem produtivo, nada de barulho das crianças e nada da visita da senhora, por um instante ficou ate preocupado, como não dormira noite anterior deitou cedo, pensou que no dia seguinte sua caminhada estaria garantida, ao deitar o flash veio novamente o assustando e deixando os pelos do corpo arrepiado, neste instante sentiu algo estranho no ar, em sua cabeça por algum motivo cismou que teria alguém ou algo por debaixo de sua cama, ficou ali por minutos em sua cama com medo e criando coragem para checar, em um estalo estava acordando na manha seguinte , não sabia explicar o que acontecera , levantou assustado e foi ate a casa da vizinha aproveitando e fazendo sua caminhada matinal, passou próxima a casa da senhora e tudo estava quieto demais, aproximou e sentiu um cheiro horrível vindo de dentro chamou e não obteve resposta, com um chute arrombou a porta e dentro três cadáveres de crianças já em decomposição, intrigado ficou pensando o que aquilo significava e onde estaria a tal senhora , tentou chamar a policia porem notou que não tinha sinal , correu ate sua casa fechou tudo e pegou seu carro e foi a cidade chamar a policia , voltaram juntos ao chegar na casa os cadáveres tinham sumido , lembrou então de sua cama e da cisma noite passada algo o chamava ao seu quarto , ao ir ate lá olhou debaixo de sua cama e se deparou com uma enorme poça de sangue e alguns tufos de cabelo branco .

Quando temos aquela cisma de algo esta debaixo de nossa cama , o que será que tem ali ? Algo assustador , uma velha senhora nada amistosa psicopata , um extraterrestre ?  Fantasmas ? Ou apenas o seu medo falando mais alto?

Se copiar colocar devidos créditos

Ass : Glaucow M Freitas