Novidades

28 de junho de 2016

Ensangüentada



Roberto era pai de família, um homem bem sucedido financeiramente que tinha um matrimonio aparentemente consistente com sua esposa Lenna, uma mulher linda que gostava muito de Roberto, recém casados o amor entre eles pareciam não ter fim. O rapaz gostava muito do que fazia, era Policial Civil e sempre cumpria com suas obrigações, a única coisa que Roberto não conseguia controlar era sua vontade de ir para baladas e de sair com outras mulheres coisa que Lenna não desconfiava pelo fato de serem recém casados e de Roberto sempre dizer que tinha algo extra para resolver no trabalho já que era Delegado, então sempre tinha alguma desculpa para deixar a casa sempre que quisesse e se envolver com outra mulher. Certo dia Lenna resolveu por ventura seguir o marido e se deparou com algo que realmente não imaginava, Roberto entrava em um motel com uma mulher, uma menina praticamente 10 anos mais nova que Lenna que confusa e nervosa volta para sua casa aos prantos onde senta em uma poltrona com um copo de água com açúcar a espera de Roberto. À noite e longa para Roberto que aproveita de todas as maneiras possíveis mal sabendo o que o espera em casa e o que estava para presenciar, Roberto nota que já era 1 da madrugada e imediatamente arruma um jeito de ir para casa, pois devia alguma satisfação para a pobre Lenna dona de casa que se matava para dar o bom e do melhor para seu marido, Roberto chega e guarda o carro na garagem e nota que as luzes de sua casa estavam apagadas então vai entrando devagarzinho para não acordar Lenna que poderia estar dormindo, ele entra em casa, mas ao acender a luz não consegue acreditar no presencia, Lenna estava morta e apresentava um um corte de orelha a orelha e varias perfurações no pulso, Roberto atordoado e imediatamente liga para os companheiro de serviço para entenderem o que acontecera no local, Roberto estava tão apreensivo e nervoso que por segundo deixaria despercebido uma ultima mensagem de Lenna para ele antes de se matar “NEM A MORTE NOS SEPARA” . Dizem por ai que ate hoje maridos infiéis são vitimas da Ensangüentada e que todos pagam com a própria vida, dias depois do ocorrido o corpo de Roberto foi encontrado com varias fraturas no crânio e cortes no pescoço em sua própria casa. A Policia não sabe bem o que aconteceu, o crime foi arquivado e outros do mesmo nível e semelhança são investigados com muitas suposições de estarem lidando com um assassino em serie.

Se copiar colocar devidos créditos
Ass: Glaucow Maciel Freitas