Novidades

6 de julho de 2016

Brincando com o Mau

Existem várias formas de se divertir, uma delas e com brincadeiras, porem muitas destas podem prejudicar ou ate mesmo afetar pessoas ao redor ou uma única pessoa e causar dor física e (ou) psicológica

Existem várias formas de se divertir, uma delas e com brincadeiras, porem muitas destas podem prejudicar ou ate mesmo afetar pessoas ao redor ou uma única pessoa e causar dor física e (ou) psicológica , quando isso acontece muitos podem ate se divertir porem , alguém esta sendo afetado e pode não estar nada bem, em muito dos casos essa pessoa se isola e vai tomando ódio de pessoas ao redor, tomando traumas e criando uma depressão profunda e amarga, tão amarga quanto a morte. 

Era mais um inicio das aulas e todos alunos da escola Student Universal Class estavam bem animados . Os alunos da 8º série receberam alguns novos alunos entre eles Kenny um garoto que sofria de síndrome do pânico entre outros traumas e por isso tinha muitas dificuldades de se relacionar com pessoas “normais” porem era um ano novo e ele estava disposto a se tratar e recomeçar sua vida , mas alguns alunos de sua sala eram pessoas más , estas estavam dispostas a chatear qualquer um que não era considerado “normal” de acordo com a “sociedade” esdrúxula e Kenny se enquadrava no meio anormal de tudo isso , diariamente sofria com criticas pesadas e ofensas , hora e outra tomava uma e outra coça após o horário de aula . A situação pioravam a cada dia , professores marcavam sempre reuniões com pais dos envolvidos , diretor e coordenadores tentavam de tudo para que a situação arrumassem , porem nada dava certo . Os pais de Kenny resolveram tirar ele da escola e colocaram para estudar em casa por um período , o garoto estava arrasado e sua depressão aumentava a ponto de ter de fazer altas consultas e sessões com psicólogos , Kenny estava a ponto de estourar  . Em uma noite ao deitar Kenny começa a ter idéias mirabolantes e psicopatas , ele estava perdendo o controle , não agüentava mais tudo aquilo , escutava vozes que diziam “FAÇA!FAÇA!FAÇA!” de minutos e minutos suas idéias eram embaralhadas como se estivesse sofrendo de algum outro distúrbio qualquer , não sabia do que se tratava , não se conhecia mais , até que adormeceu . O sonho de Kenny foi mais ou menos assim : Ele andava por sua antiga escola , e por todo chão corpos de pessoas que ali freqüentavam ,  muitos corpos e sangue espalhados por todo lado , ele caminhava por entre eles e segurava algo , em uma de suas mãos uma espada de origem árabe , na outra um livro que não podia identificar , caminhou ate o banheiro e ao olhar no espelho com o susto que levou acordou abruptamente . 





O pobre rapaz estava suado e assustado , levantou e não acreditou o que encontrou no pé da sua cama , ali tinha uma espada a mesma de seus sonhos e próximo a ela um livro , um livro de capa avermelhada com tons escuros , ficou intrigado , porem logo as vozes ressurgiram “ FAÇA! FAÇA ! FAÇA! “ ele sabia do que se tratava , algo lhe dizia que era pra fazer e ele sabia bem do que se tratava as vozes e tudo aquilo , pegou o livro e começou a folheá-lo com muita velocidade , devorava cada pagina de maneira assustadora e parecia absorver bem todo conteúdo , alguns segundos se passaram e o livro estava no chão coberto de sangue  , e em sua mão a espada que colocou em sua mochila junto com o livro e mais alguns pertences  , caminhou ate a porta e localizou logo seus pais na cozinha , passou por todos sem ser percebido  , caminhou por toda a rua calmamente, passou por muita gente ate chegar a sua escola , porem o rastro de sangue não fora notado por ninguém , já que poucos estavam na rua no horário e ninguém iria notar mesmo principalmente Kenny ... Chegou ate o portão da escola e entrou com facilidade por não existir seguranças , enfim não eram mais seguranças da escola, foi ate sua antiga sala, ao adentrarem as portas se fecharam , os gritos foram abafados por minutos e tiros foram disparados  simultaneamente , Kenny caminhou ate o banheiro enquanto os possuídos faziam o trabalho sujo ,ao chegar olhou no espelho e viu uma face desconhecida , algo escuro , sombrio e perturbador , não sabia o que era , porem era seu novo eu, “esse não sou eu” dizia o garoto ,no mesmo momento disse “FAÇA!” caminhou ate a sala e liberou os guardas , os corpos das pessoas envolvidas estavam no corredor amontoados como no sonho , foi ate a sala da diretora , abriu a mochila e colocou algo que era familiar a cabeça , sim sua cabeça estava ali decepada e agora em cima da mesa da diretora , como se estivesse armando uma cena de crime , saiu da escola e caminhou sem direção para o meio da mata com o livro e a espada , tudo parecia parado , enquanto se movia  “ E o sol se deteve, e a lua parou, até que o povo se vingou de seus inimigos “ . Os pais do garoto estavam perplexo com tamanha brutalidade o garoto havia morrido e muitos alunos que eram de sua sala , a policia culpava guardas e diretores pela chacina , todos estavam ali , menos o corpo de Kenny , que nunca foi encontrado .

Estarei presente em toda primavera, verão, outono e inverno, fui moldado para ser eterno.”




Se copiar colocar devidos créditos , Obrigado !
Ass : Glaucow M Freitas
http://horrorurbano.blogspot.com.br/